segunda-feira, 30 de julho de 2012


Hoje acordei muito feliz, pois mais um dia passou e eu continuo firme nos meus propósitos.
Vocês não devem estar entendendo, mas não tem problema eu explico. Na verdade, como muitas pessoas, eu tenho mania de começar projetos e desistir no segundo dia.
 Puro comodismo.
Mas desta vez é diferente porque me propus a dividir com vocês a experiência, desta forma me sinto forçada, ou melhor, dizendo estimulada a continuar.
Pois, quando penso em desistir lá está minha consciência gritando: 
E se tiver alguém acompanhando seu progresso? Como fica? Pois é, não posso mais parar. Graças a vocês!
Hoje procurei manter a rotina diária que estou tentando programar em meu dia a dia.
Acordei, esqueci-me de espreguiçar, mas logo ao chegar ao trabalho; É eu sei é domingo, mas, lembra-se que eu disse que estou cobrindo as férias de uma colega?

Pois então, estou trabalhando de domingo a domingo.
Mas já esta acabando faltam dois dias. Não vejo a hora.

Continuando, eu fiz meus alongamentos mal e porcamente aqui no trabalho mesmo.
 Hoje comecei a usar meu japa-mala, para quem não conhece é um rosário budista de 109 contas. Eu mesma confeccionei o meu.
E quando comecei a usá-lo, lembrei-me de um mantra que me foi ensinado por uma conhecida, é mais ou menos assim: 

  Nam-Myoho-Rengue- Kyo

 Que significa devotar-se a lei mística da causa e efeito. 
Quando recitamos esse mantra, estamos liberando a vida existente dentro de cada um de nós, e a natureza passa a escutar nossa prece e responde com paz e tranquilidade.
Quando você concentra sua energia em algo bom você recebe de volta o que enviou, ou seja, só coisa boa. 
Bom, essa é a minha versão, o que eu penso. Não significa que é a verdade absoluta, mas a minha verdade apenas. Vista sob o meu ponto de vista.
Como podem ver hoje estou inspirada, por isso quero com partilhar o que eu aprendi. Quando você tem um pensamento ruim, algo que você não deseja que aconteça em sua vida ou naquele momento substitua logo por um pensamento positivo, para que o universo compreenda o que você quer e te conceda corretamente. Você pode fazer isso com um truque que eu aprendi no livro “A lei da atração, o segredo colocado em prática.”.
Quando tiveres um pensamento negativo, pergunte-se imediatamente: “E então, o que eu realmente quero pra mim?" A Resposta será imediata. Você não imagina do que nosso cérebro é capaz. 
Desta forma, fazendo essa pergunta sempre, pode parecer bobagem, mas o que você tem a perder? Ninguém saberá que você esta fazendo isso, portanto não haverá criticas nem gozações.
Tente e se surpreendera com o resultado.
Por hoje é só pessoal estou cansada de digitar, porém poderia ficar falando sobre isso por horas. rsrsrs.
 Abraço a todos!
E, até amanhã!

 

Nenhum comentário:

Aceita um cafezinho...

Aceita um cafezinho...
Acabei de fazer!

Para quem não me conhece...

Para quem não me conhece...

De tudo um pouco...

Sou uma profissional da beleza que tem paixão pelo que faz,comecei como cabeleireira a uns 15 anos atraz e vou continuar fazendo o que gosto sempre, me atualizando com certeza ...descobrindo que algumas das novidades q surgem na verdade não saõ tão novas assim, enfim aprendendo e ensinando junto com meus clientes e amigos, que o mais importante na composição de um visual, não são as novidades que a moda apresenta todos os dias, mas "VOCÊ" como pessoa , olhar no espelho e gostar do que vê, ver a sua imagem refletida como vc gosta e se sente bem, seja ela ousada ou discreta. Porque o bonito, o fantástico é ser natural. mesmo de cara lavada depois do banho, sem escova, gel ou mousse, porque esses acessórios facilitam a sua vida , mas não serão sempre necessários ou estarão sempre ao seu alcance quando você precisar.Por isso busque principalmente ser feliz, porque nenhum visual é completo sem um sorriso sincero para iluminar o seu momento.Um grande abraço a todos os clientes que acabam se tornando grandes amigos com o passar dos anos, e espero seus comentários, recados, dicas e gargalhadas... com um cafézinho virtual.(Os amigos sabem do que estou falando...)Beijos! Márcia Bia